As Fashionist

sexta-feira, 29 de abril de 2011

Kate Middleton em seu casamento


   Se o objetivo de Catherine Middleton era não fugir do seu estilo e parecer reconhecível no dia do seu casamento, ela conseguiu. A beleza da noiva foi bastante natural e elegante. 
   Kate Middleton escolheu um vestido Alexander McQueen para trocar alianças com o Príncipe William na manhã desta sexta-feira, 29 de abril, na Abadia de Westminster, em Londres. A tão aguardada peça foi assinada por Sarah Burton, estilista que assumiu a grife inglesa depois da morte do designer que batiza a marca.

“O cabelo foi desfiado na frente e, em seguida, foi aplicado um spray fixador para sustentar a tiara. Na parte de baixo usaram um babyliss largo, bem suave”, afirmou o cabeleireiro Marco Antonio de Biaggi. Arrematado por uma tiara de diamantes da Cartier emprestada pela Rainha Elizabeth II.
A maquiagem discreta foi feita pela própria noiva, com bastante blush rosado, lápis branco na parte interna dos olhos para abrir o olhar e o toque que Kate nunca dispensa, o lápis preto na parte inferior. “Ela não usou batom forte nos lábios provavelmente porque a boca dela é bastante fina”, explicou o maquiador Marcos Costa.
Nas unhas, um off-white suave, resultado da mistura dos esmaltes 28 Rose Lounge, da Bourjois, e 423 Allure, da Essie com manicure feita por Marina Scandoval, especialista que cuida das unhas de Camilla Parker Bowles, esposa do Príncipe Charles e Duquesa de Cornwall.


A opinião dos estilistas


“É um vestido de noiva com detalhes muito refinados, muito mais refinado do que o modelo que Diana usou. Os vestidos da Alexander McQueen são sempre muito elegantes. É muito bonito e relativamente clássico, combinando com a decoração, com um pequeno toque da década de 1950 que lembra Marilyn Monroe ou o vestido de casamento da Rainha Elizabeth”, declarou o estilista a ELLE UK.


“A renda é bonita, especialmente o véu bordado e a tiara que não foi usada muito no alto, com um penteado leve. É atraente e o comprimento da cauda é perfeito. É tudo elegante e chic, você não precisa nascer uma princesa real para estar desse jeito”, completou Lagerfeld.


Bruce Oldfield: “Eu parabenizo a Sarah Burton, porque ela não teve muito tempo para produzir esse vestido. Catherine precisou do volume da saia, tanto para enfatizar sua cintura fina quanto para dar ao vestido uma importância. Eu também gostei do volume no quadril. Tudo ajudou para que o modelo se encaixasse nos moldes tradicionais. A renda delicada e o véu bordado serão comparados ao vestido de Grace Kelly em 1956, já o volume da saia lembra o vestido da Princesa Elizabeth em 1947″.

Christian Lacroix: “Eu gosto muito do vestido, é mais simples do que o esperado: uma combinação entre o vestido de Grace Kelly de 1956 e da Rainha Elizabeth de 1947. Adoro o véu modesto com a tiara da Rainha Mãe e o volume balanceado do modelo. Ela está radiante, nunca esteve tão bonita. E o uniforme vermelho do Príncipe William é lindo”.
Hubert de Givenchy: “O vestido é muito simples e bonito. O véu é um pouco simplório, mas como ela tem um rosto tão bonito ela pode usar dessa maneira”.
Peter Copping, estilista da grife Nina Ricci: “Seguiu a tradição real, remanescente da Rainha Elizabeth, com um pouco de Grace Kelly. Ela parece feliz, radiante e natural”.
Donatella Versace: “O vestido da Kate é bonito. Ela estava muito aristocrática”.
Viktor & Rolf: “O vestido de Kate era simplesmente elegante. O cabelo solto deu um toque belo e natural e a tiara estava linda. Ela pareceu à vontade, na medida do possível, e estava radiante”.
Elie Saab: “Foi um vestido muito elegante, sutilmente refinado e discreto, de acordo com o estilo dela. Gostaria ainda mais se tivesse um pouco mais de volume e uma cauda mais longa”.
Ann-Sofie Johansson, chefe de design da H&M : “O vestido é bonito. Ela está absolutamente incrível. A renda combinada nas mangas longas mostra o trabalho artesanal de horas que demandou a criação desse vestido. O modelo veste Kate Middleton perfeitamente e Sarah Burton na Alexander McQueen com certeza superou minhas expectativas. Também acho que o amável buquê será tendência entre muitas futuras noivas”.
Mark Badgley, da Badgley Mischka: “Tivemos um frio na espinha! O vestido é perfeito e resistirá ao passar do tempo. É um clássico look Grace Kelly. A saia é divina. Amamos o véu e o cabelo solto. A proporção ficou bonita”.
Antonio Marras, diretor criativo da Kenzo: “McQueen foi uma escolha brilhante. A escolha da grife e o estilo do vestido formaram um mix muito inteligente entre moda contemporânea e tradição, tudo de uma maneira muito britânica. Você podia ver referências dos vestidos de Grace Kelly ou da Rainha Elizabeth, mas de uma maneira mais simples e moderna. Amei o cabelo solto. Ficou perfeitamente natural e nobre”.
Alexis Mabille: “O vestido é um clássico, muito elegante e puro. Me lembra do vestido de noiva da Princesa Grace em uma versão moderna com decote mais profundo, o drapeado nas costas é uma referência a McQueen”.
Dennis Basso: “Eu amei aquele vestido. Ele representa a noiva moderna: coberto, mas ainda sexy com seu corpo justo. A camada de renda e o colo coberto certamente serão tendência”.


Fontes: http://modaspot.abril.com.br/beleza/leveza-e-sofisticacao-marcaram-a-beleza-da-noiva-no-casamento-real
http://modaspot.abril.com.br/news/saiba-mais-sobre-alexander-mcqueen-grife-escolhida-por-kate-middleton
http://modaspot.abril.com.br/gente/karl-lagerfeld-achou-vestido-da-noiva-elegante-e-chic


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se quiser deixar uma pergunta, não hesite, responderei no ato. Peço apenas para que deixe seu Email e seu nome.
Muito obrigada, Louise Mattos